30 de agosto de 2009

Untitled...


...foi! não é mais...
A esta hora continua a ser "doença"... mal interior sem cura... talvez em estado terminal.
É um estar vulnerável a tratamentos que aliviam a dor mas não a matam, que nos devolvem a esperança como ao mesmo tempo nos a tiram quando começam a deixar de ter efeito...
Quero ir...
...estou pronta!
Pode até a dor da partida ser mais forte que toda aquela que já senti... pode o medo voltar e pedir-me para ficar, pode até o destino cancelar esta ida...
Mas ainda assim eu vou...

Sem comentários: